Terça-Feira, 7 de Dezembro de 2021

Máx: 27º

Min:16º

Nos acompanhe nas
mídias sociais

Mídia / Notícias

SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

10 de Maio

Ipubi intensifica vacinação de idoso, profissionais de saúde, forças de segurança e pessoas com comorbidades

A Secretaria de Saúde segue dando celeridade na Campanha de Vacinação Contra a Covid-19 e intensificou esta semana a vacinação dos idosos a partir dos 60 anos e grupos prioritários como profissionais que atuam na saúde, policiais e pessoas com comorbidades, como define o Plano Nacional de Imunização. Para idosos, vacinas são aplicadas em domicílio; Profissionais de saúde, forças de seguranças e pessoas com comorbidades devem tomar na UBS mais próxima.

 

A estratégia da Secretaria Municipal de Saúde de Vacinar os idosos a partir de 60 anos casa a casa tem como finalidade evitar a aglomeração em unidades de saúde e, consequentemente, a exposição deste grupo de risco ao coronavírus. Já para as pessoas portadoras de algum tipo de comorbidade ou membros das forças de segurança e profissionais de saúde, as doses estão sendo aplicadas sob critério de marcação, que deve ser realizado diretamente na Unidade Básica de Saúde ou junto do Agente Comunitário de Saúde.

 

A Secretaria Municipal de Saúde informa ainda que será necessário a comprovação da comorbidade através de laudo médico ou atestado de referência da SES. Caso tenha chegado a sua vez, procure a Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua residência e garanta a sua imunização.

 

De acordo com o último Vacinômetro veiculado pela Prefeitura nesta segunda (10) o município já recebeu 7.192 doses de vacinas das quais 4.262 são da farmacêutica Sinovac em parceria com o Instituto Butantan e 2.930 da Astrazeneca, desenvolvida pela Oxford em parceria com a FioCruz. Até o momento, já foram aplicadas 5.464 doses.

 

 

Confira a lista de comorbidades desta etapa:

 

Anemia Falciforme;

Arritmias Cardíacas;

Cardiopatia Hipertensiva;

Cardiopatias Congênitas no Adulto;

Cirrose Hepática Cor-Pulmonale e Hipertensão Pulmonar;

Diabetes Mellitius;

Doenças Cerebrovascular;

Doença Renal Crônica;

Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas Arteriovenosas;

Hipertensão Arterial Resistente (nos estágios 1 e 2 com lesão em órgão alvo e/ou comorbidades);

Insuficiência Cardíaca (IC);

Imunossuprimidos;

Obesidade Mórbida;

Pneumopatias Crônicas Graves;

Próteses Valvares e Dispositivos Cardíacos Implantados;

Síndromes Coronarianas;

Síndrome de Down;

Valvopatias, Miocardiopatias e Pericardiopatias;

Pessoas com doenças cadastradas no BPC;

Gestantes;

Puérperas (até 45 dias pós-parto).

 

 

Da Assessoria de Comunicação

Foto: Álisson Édypo | Agência Bem Criativa

CONFIRA MAIS FOTOS DESTA NOTÍCIA: